quarta-feira, janeiro 04, 2006

The Inquisition... what a show...The Inquisition...Here we go...

O fascismo regressou na sua forma mais pura e original. Em Espanha vai-se agora lançar a caça aos fumadores. Os tabuados dos autos-de-fé já estão erguidos e o grande inquisidor Zapatero chama a si todo o que de pior tinha a Inquisição Espanhola. Diz-se de esquerda o Governo espanhol. É a única coisa na qual concordo com ele. Nunca a esquerda foi amiga da liberdade e da tolerância, por mais que Soares e outros queiram fazer crer.

Vejamos pois admirável mundo novo que o pequeno Torquemada quer criar. As pessoas serão proibidas de fumar no seu local de trabalho estando sujeitas a denúncia prévia, por qualquer cidadão. Para os que atacam Franco e Salazar com base nas polícias políticas diga-se em abono da verdade, um comunista é mais perigoso que um fumador. Não me importo que um fumador chegue ao poder, um comunista sim... Rude golpe na crítica historiográfica canhota. O obscurantismo já não é monopólio dos antigos regimes.

Não se poderá fumar em bares e restaurantes. Servos do diabo, é o que são. Sinto-me tão utente da noite espanhola como os castelhanos. E isto não pode. O diabo que os carregue.

Proibido o fumo nos casamentos e baptizados. Note-se o requinte. Para mim que ainda sou solteiro vou poupar no típico charuto que o noivo oferece no fim, se esta peste espanhola cá chegar nos próximos anos. De Espanha nem bom vento (e a partir de agora literalmente) nem bom casamento...